5 perguntas para se fazer antes de investir nas liquidações

SaleComeço este post me questionando: existem regras sobre as liquidações? Não acho que seja possível ditar um be-a-ba referente a esse assunto. Mas é possível fazermos questionamentos que facilitem na hora de uma compra acertiva. Me pego como parâmetro. Logo que comecei a comprar por conta própria (aquele momento, logo depois que começamos a trabalhar e não é mais a mãe que compra roupa pra nós), me jogava e comprava o que podia e não podia nas sales.

Mas, o tempo é o senhor da razão, e eu aprendi que nem sempre preço é tudo. Cansei de comprar peças que ficaram guardadas por um bom tempo. E agora, sempre que vou às compras nessa época, faço alguns questionamentos que acho válido compartilhar por aqui.

1 – Eu vou usar?
Fazer essa pergunta na hora da compra é mais do que essencial. As vezes vemos uma peça linda pendurada na arara, com um preço atrativo e a primeira coisa que pensamos é: vou comprar, porque está barato. Mas esse impulso pode ser ruim se levarmos em conta que talvez essa roupa não combine com outras que já temos e, talvez, nem faça nosso estilo. Comprar por comprar, ainda mais em tempos de crise, não está com nada. Consumo consciente em primeiro lugar.

2 – Eu desejei por muito tempo?
Sempre tem aquela peça que passamos a temporada inteira desejando, só que é muito cara. Se a sua torcida para que ela não vendesse foi forte o suficiente e ela continua na arara, e você tiver certeza de que irá usar, vale o investimento. Talvez ela não fique uma barganha, mas o desconto cai muito bem.

3 – Tem qualidade?
Não é porque pagamos barato que vamos tolerar roupa sem qualidade. Como saber se a roupa é boa? Quando pegamos um tecido de qualidade, reconhecemos. Analise também as costuras e os acabamentos. Eles precisam ser bem feitos. Com esses três fatores aliados, temos certeza de que a roupa durará muito tempo e o investimento será válido. Isto, aliás, deve ser regra para compras fora da liquidação. Quanto pior a roupa, mais lixo geramos e mais jogamos nosso dinheiro fora.

4 – É tendência passageira?
Cada temporada tem aquela tendência que não dura muito. Logo todo mundo enjoa e raramente ela “pega” na próxima estação. Geralmente as lojas dão descontos maiores nestas peças, porque sabem que elas tendem a ficar encalhadas no estoque. Antes de gastar nosso suado dinheirinho nelas, tenha certeza de que usará ela por muito tempo e que ela se encaixa em seu estilo. Porque se a roupa combinar com você, não tem época que ela não se enquadre bem, nem alta e baixa da moda.

5 – É uma candidata a “peça de família”?
Isso vale para aquelas peças bem mais caras. Por exemplo, um trench coat da Burberry, ou uma bolsa Chanel 2.55. Mesmo custando caro até mesmo na liquidação, elas passarão por gerações e gerações da sua família e, sem sombra de dúvidas, o preço será bem pago.Troque também o “peça de família” por “peça coringa”, aquela bate e usa de todos os dias e que tende a durar por muito tempo.

E ai, mais alguém tem uma dica bacana sobre liquidações para compartilhar? É só comentar.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s